Sinpol-DF arrecada doações para combater incêndio na Chapada dos Veadeiros FernandoTatagiba/ICMBio

Sinpol-DF arrecada doações para combater incêndio na Chapada dos Veadeiros

Publicado em 24 de outubro de 2017

O Sindicato dos Policiais Civis do Distrito Federal (Sinpol-DF) aderiu à campanha “S.O.S Chapada dos Veadeiros” e disponibilizará a partir desta terça, 24, os espaços da sede do sindicato na Asa Norte e da filial em Taguatinga para receber a doação de insumos que vão auxiliar veterinários e voluntários a socorrer os animais silvestres que tentam sobreviver ao incêndio que atinge a Chapada dos Veadeiros desde o dia 17. O incêndio já atingiu 22% do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

A adesão do sindicato à iniciativa atende a um pedido do agente polícia e veterinário Avsk Bueno. Ele fez uma parceria com uma clínica veterinária localizada no Gama que ficará encarregada de coletar as doações realizadas no Sinpol-DF e levá-las até a Chapada.

Avsk, inclusive, se juntou a mais três profissionais e foi para o local, onde atuará no resgate dos bichos em companhia de outros voluntários. “A expectativa é de que mais de 50 mil animais sejam socorridos. Estamos aguardando o fogo baixar para ir em busca deles”, explica o agente de polícia.

As doações podem ser entregues a partir das 8h e até às 18h, nas duas unidades do Sinpol-DF. Na Asa Norte, a sede do Sinpol-DF fica localizada na 716 Norte, Bloco F, Entrada 61, Loja 59. A filial do sindicato, o Sinpolzinho, fica na QNA 3, Casa 2, em Taguatinga Norte.

Estão sendo solicitados itens como:

– Soro fisiológico e ringer
– Pomadas com antibiótico e analgésicos
– Diazepan
– Quetamina
– Cateter 24 e 22
– Equipo de soro
– Gaze, muita gaze
– Seringas e agulhas
– Agulhas 25×7, 40×13 e 20×40
– Lençóis para cobrir as gaiolas e transportar animais
– Gaiolas

A campanha “S.O.S. Chapada dos Veadeiros” também está arrecadando alimentos para os voluntários, além de equipamentos de combate a incêndio. Há a possibilidade, ainda, de fazer uma doação em dinheiro por meio do Catarse: https://www.catarse.me/redecontrafogoveadeiros.

Outro ponto de arrecadação é o Zoológico de Brasília. De acordo com a guia turística Ingrid Souza, uma das integrantes da campanha, o local foi escolhido por ser estratégico tanto para receber como para encaminhar as doações até a Chapada. “Qualquer pessoa pode fazer a doação em qualquer horário”, avisa.

A unidade de conservação é considerada Patrimônio Natural da Humanidade, sendo uma das mais importantes do Cerrado e é o habitat de várias espécies em extinção ou que só existem no local, como o lobo-guará e a onça pintada.

Assessoria de Imprensa Sinpol-DF – Coletivo Conversa
Bruno Aguiar
(61) 9 8195.9402
bruno@coletivoconversa.com.br

Relacionadas