Você sabe com quem quer conversar na Internet?

Você sabe com quem quer conversar na Internet?

Rodrigo Rocha

Rodrigo Rocha Publicado em 26 de julho de 2017

Você quer abrir o seu negócio ou já tem um, é empreendedor ou empreendedora e precisa dar visibilidade ao que faz, conquistar clientes, aumentar vendas e fortalecer sua marca. Para isso, toma a (sábia) decisão de investir em estratégias de Comunicação que o ajudem atingir seus objetivos. Ótimo.

Você, então, procura uma Assessoria de Comunicação que possa orientar sua presença digital e a primeira pergunta que ouve é: mas por que você quer estar na Internet? Desconfie. Essa empresa, muito provavelmente, está ultrapassada.

As respostas para isso já estão dadas, afinal, se você quer anunciar e se comunicar, é óbvio que você busca criar e manter um relacionamento com seu público para gerar negócios ou estimular a adesão à sua causa, por exemplo.

Mas se a primeira pergunta que lhe fazem é “com quem você quer conversar?”, inúmeras possibilidades se abrem e, aí sim, você tem muitas escolhas a fazer. Se, por um lado, todas elas precisam gerar valor para sua marca, posicioná-la como referência e dar a ela um lugar de fala, por outro elas também devem dar ao público a possibilidade de dialogar com você.

Posicionar-se digitalmente serve, basicamente, a 3 propósitos:

1. Ser facilmente encontrado

O que a gente, enquanto consumidor, faz quando quer saber mais sobre uma marca? Pesquisa na Internet, certo? E o que a gente sente quando não encontra a marca que busca bem organizada no ambiente virtual? Desconfiança e dúvida.

2. Construir reputação e relacionamento

Ok, você foi encontrado. Mas como você está falando? Depois de achá-lo, o cliente ou potencial cliente quer saber o que você tem a dizer. Você é útil? Dá informações relevantes e se destaca no mar de informações que disputam a atenção do seu público a cada segundo? Além disso, o que estão falando sobre você?

3. Otimizar as oportunidades de negócio

A sua presença digital precisa abrir portas, contribuir efetivamente para a geração de novos negócios e estimular o consumidor e sua rede de relacionamento, fornecedores, possíveis parceiros e todas as pessoas do seu interesse a trocar dados com você e quererem se relacionar com a sua marca.

Mas, afinal, onde devo investir?

Antes de tentar responder a essa pergunta, volte duas casas e responda outra: com quem eu quero e preciso conversar? Nenhum esforço de comunicação pode trazer mais e melhores resultados do que aquele especialmente preparado para atingir o público que você definiu como estratégico.

Apenas a partir desta decisão, você conseguirá identificar onde estão as pessoas com quem você quer se relacionar, do que elas gostam, pelo que se interessam e quais os seus hábitos de consumo (de conteúdo e de produtos).

Neste momento, você estará pronto para tomar decisões. E nós temos outros textos que podem lhe dar bons insights.

Leia também:

O site da empresa gera novos negócios?

Devo investir em influenciadores digitais?

“Eu não vou investir em redes sociais”, disse o empresário enquanto comia moscas

Planeje a comunicação da sua empresa para não jogar dinheiro no lixo

 

Rodrigo Rocha é jornalista especializado em Gestão da Comunicação nas Organizações e sócio do Conversa Coletivo de Comunicação Criativa.

Relacionadas