9 passos para escrever um artigo de opinião relevante

9 passos para escrever um artigo de opinião relevante

Bruno Aguiar

Bruno Aguiar Publicado em 7 de junho de 2018

Por ser bastante pertinente, muitas pessoas escrevem artigos, o que faz com que a concorrência em diversos assuntos seja uma verdadeira guerra. Para se tornar mais relevante, alguns passos precisam ser seguidos, aumentando as chances de viralização e melhor aproveitamento do material.

Confira!

1 – Identifique uma oportunidade e um tema de domínio

Parece óbvio, mas não é. Seu artigo só se tornará relevante se você for especialista neste assunto e, salvo algumas exceções entre personalidades públicas, se sua opinião for muito requisitada, mesmo em assuntos com pouca afinidade.

Já sabe quais os assuntos onde a sua opinião é relevante? Ótimo, agora busque uma oportunidade para trazer mais noticiabilidade sobre o assunto.

2 – Esboce

Você deve ter muito para falar sobre o assunto, mas as pessoas querem ler a síntese de tudo isso. Risque, rabisque, experimente e chegue à construção mais adequada e enxuta do que quer transmitir.

3 – Embase-se

Sua opinião pode ser muito relevante, mas se for apenas palavras, a chance de ser interpretada como achismo é grande. Busque dados e validações nas opiniões de pessoas notáveis. Argumente!

4 – Não se auto referencie

Artigos de opinião não devem referenciar a empresa do autor ou o próprio autor para não tornar o texto pura publicidade. Se sua opinião for relevante e bem embasada, o conteúdo referenciará você e sua empresa de forma indireta.

5 – Seja objetivo

Chegou a hora de escrever! Lembre-se do passo dois e não se perca no meio do caminho.

6 – Desburocratize

Não adianta ter a mais relevante opinião se só você e seus pares conseguem ler o que está falando. Não estamos lidando com um artigo científico. Artigos de opinião precisam ser didáticos e palpáveis para o maior público possível. Pode acontecer de seu público ser bem específico, mas ainda assim limitar somente a ele pode inibir o compartilhamento do conteúdo.

7 – Conclua confirmando a ideia principal

As últimas linhas devem reafirmar a ideia central e resumir de forma concisa tudo o que foi construído nas linhas anteriores. Você pode se perguntar “que mensagem eu quero deixar gravada?” e fechar com call to action nesse sentido. Frases de impactos podem (e devem) aparecer nesse momento!

8 – Saiba escolher o título

Teste vários! A opção escolhida deve percorrer o caminho que você quer e ser assertivo, mesmo que você opte por algo mais lúdico e menos objetivo.

9 – Revise

Erros de ortográficos podem eliminar a credibilidade do seu artigo. Já que chegamos até aqui, não custa nada reler em busca de erros e falhas na argumentação. Se você tiver assessoria de comunicação, deixe a revisão final com ela.

Ao final desses passos, você terá um artigo de opinião bem estruturado e relevante para ser trabalhado na mídia pela sua Assessoria de Imprensa e nos seus canais institucionais pela sua Assessoria de Comunicação. Afinal, artigo de opinião de nada vale na gaveta, né?

 

Bruno Aguiar é sócio do Conversa Coletivo de Comunicação Criativa e especialista em Assessoria de Imprensa

Relacionadas